Organização Pan-americana da Saúde. Brasil

Skip to content



Destaques

Últimas notícias

O Ministério da Saúde do Brasil participa da reunião técnica para América Latina e Caribe sobre promoção da saúde no âmbito escolar

 Com o objetivo geral de promover uma maior integração entre os países comprometidos com a Promoção da Saúde em âmbito escolar, a OMS realizou na cidade de Habana, Cuba, de 31 de março a 1 de abril del 2010 a Reunião Técnica Regional de Promoção da Saúde em Âmbito Escolar.

 Na reunião participaram 44 especialistas de 21 países da América latina, e Caribe, com responsabilidades dos ministérios de Saúde e educação, instituições acadêmicas, organizações não governamentais e agencias das Nações Unidas como: UNICEF, UNESCO e OPS.

Durante a reunião se identificaram 10 linhas  de trabalho prioritárias para o biênio 2010-2011, sobre promoção da Saúde em âmbito escolar na Região das Américas. Os participantes basearam suas deliberações nos cinco eixos de ação acordados na reunião de Vancouver em 2007: Políticas, Evidencias, Implementação, Equidade e Alianças intersetoriais e Interagênciais.

Na reunião se constituíram 10 grupos de trabalho para a elaboração de um Plano de Ações conjuntas que promovam o dialogo e a colaboração entre os países da Região:

• Desenvolver estratégias de formação e de recursos humanos em promoção da Saúde escolar com parcerias em Universidades utilizando o Campos Virtual de Saúde Pública da OPAS/OMS;
• Desenvolver um novo documento filosófico – Conceitual sobre a promoção da saúde escolar que incorpore Determinantes Sociais, Saúde para todos, Educação para Todos e os desafios da iniqüidade , pobreza e dos ODM’s.
• Criação junto a OPAS/OMS de um portal de boas práticas no âmbito da promoção da saúde escola, extra-escola e ODM, com baseadas no Guia de Efetividade da Promoção da saúde;
• Construir uma agenda regional de investigação e avaliação da promoção da saúde no âmbito escolar e extra-escolar com enfoques quantitativos e qualitativos;
• Desenvolver um sistema de intercâmbio de boas práticas integrais;
• Incluir a estrutura curricular de pós-graduação em promoção da saúde no âmbito escolar, tanto para docentes como para profissionais da saúde;
• Solicitar às agências (OPAS, UNESCO, UNICEF) que incrementem a abordagem da promoção da saúde no âmbito escolar e extra-escolar junto aos seus corpos diretivos e coordenações interagências;
• Oferecer estratégias de formação de capacidades para trabalhar nos modelos de promoção da saúde no âmbito comunitário e familiar;
• Fortalecer alianças por níveis estratégicos: nacional, estadual/proviancial e local que permitam organizar um repositório de boas práticas, materiais e estratégias curriculares com base na equidade e ODM, promoção da saúde e mudanças climáticas, prevenção de doenças de veiculação hídrica etc.
• Fortalecer  todos os níveis das redes existentes e criar bases de dados sobre as escolas que estão levando a cabo projetos de promoção da saúde, com registros estratificados por níveis de extensão dos seus benefícios.

As propostas estabelecidas durante a Reunião Técnica Regional de Promoção da Saúde no Âmbito Escolar permitiram fortalecer a aliança entre os sócios comprometidos com a promoção da Saúde em âmbito escolar, assim como a definição de uma agenda de trabalho comum com prioridades claras que possam ser impulsionadas pela aliança entre os setores de educação e Saúde.

 

Campus Virtual

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595