Organização Pan-americana da Saúde. Brasil

Skip to content



Destaques

Últimas notícias

Nova publicação da Serie Saúde Ambiental 4

nullA Representação da Organização Pan Americana da Saúde no Brasil em parceria com o Ministério da Saúde, por meio da Secretaria de Vigilância em Saúde, e da  Fundação Oswaldo Cruz colocam a disposição na internet a publicação “Sustentabilidade ambiental e de saúde na Amazônia Legal, Brasil – Uma análise através de indicadores”, produzida para avaliar os indicadores mais relevantes que permitam identificar os problemas de saúde relacionados às questões ambientais, específicos da macrorregião Amazônia Legal.

Esse trabalho também resultado da ação da Fiocruz como centro colaborador em saúde pública e ambiental da OPAS/OMS sob a responsabilidade da vice-presidência de Ambiente, Atenção e Promoção da Saúde, permite a formação de bases para o estabelecimento de prioridades e formulação e avaliação de políticas e programas, tanto no âmbito do setor saúde como nos demais setores de desenvolvimento.

Na primeira parte da publicação, encontra-se uma breve caracterização da região Amazônica e o conjunto de indicadores de sustentabilidade ambiental e de saúde, além dos conceitos gerais que fundamentam a construção dos indicadores de saúde ambiental desenvolvida a partir da metodologia proposta pela OMS chamada de FPSEEA (força motriz, pressão, situação, exposição, efeito e ação).

Procuramos com a adoção do modelo da OMS compreender as forças motrizes das mudanças nos serviços dos ecossistemas e seus potenciais impactos sobre a saúde e o bem-estar, possibilitando a análise das condições atuais, mas também antever tendências futuras, sobretudo na região Amazônica.
No capítulo seguinte são destacados os resultados da análise dos indicadores de saúde ambiental e os indicadores de sustentabilidade e de saúde na Amazônia Legal.

Nesse contexto, espera-se com essa publicação contribuir para a tradução, em forma de indicadores de saúde ambiental, dos resultados que demonstrem os efeitos de condições ambientais inadequadas na saúde humana, bem como com a identificação de estratégias de promoção da saúde e de prevenção e controle de riscos, ampliando as possibilidades de análise da situação de saúde da população e garantir a sustentabilidade do desenvolvimento.

Acesse o link para fazer o download da publicação.

 

Campus Virtual

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595