Organização Pan-americana da Saúde. Brasil

Skip to content



Destaques

Últimas notícias

Representantes da Sede da OPAS em Washington e da OPAS/OMS no Brasil participam da reunião com o Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador – DSAST/SVS /MS

 nullEm março de 2011, Dr. Luiz Augusto Galvão, Gerente de Unidade de Desenvolvimento Sustentável e Saúde Ambiental - SDE/OPAS/OMS, em Washington, reuniu-se com o Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador, da Secretaria de Vigilância em Saúde – DSAST/SVS/MS para discutir a Cooperação Técnica ao  Ministério da Saúde nos temas de saúde ambiental e saúde do trabalhador.

No dia 23 de março, como parte da agenda da Missão da Subdiretora e Gerentes, o coordenador da Unidade Técnica de Desenvolvimento Sustentável e Saúde Ambiental da OPAS/OMS, Dr. Diego Gonzalez e sua equipe, juntamente com Dr. Luiz Augusto Galvão, Gerente de Unidade de Desenvolvimento Sustentável e Saúde Ambiental - SDE/OPAS/OMS em Washington, estiveram reunidos com o Dr. Guilherme Franco Netto, Diretor do Departamento de Vigilância em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador – DSAST/SVS/MS e sua equipe de trabalho para discutir a Cooperação Técnica e o andamento dos Termos de Cooperação com o Ministério da Saúde no tema de saúde ambiental e saúde do trabalhador.

Como tema principal da reunião foi discutido a proposta de realização de um novo Termo de Cooperação específico para saúde ambiental e saúde do trabalhador buscando o aperfeiçoamento do Sistema Nacional de Vigilância em Saúde, por meio do desenvolvimento de ações voltadas para eliminar e minimizar riscos, prevenir doenças e agravos e intervir nos determinantes do processo saúde-doença decorrentes dos modelos de desenvolvimento, dos processos produtivos e da exposição ambiental, visando a promoção da saúde da população.

O DSAST/SVS espera com o novo TC, ter o apoio técnico importante para, entre outras ações, a elaboração de protocolos clínicos para intoxicações exógenas, incluindo exposição humana a contaminantes químicos prioritários (agrotóxicos, amianto, benzeno, chumbo e mercúrio), aprimorar as ações de comunicação de riscos, fortalecer as ações dos centros de toxicologia, dar  maior visibilidade ao sistema de vigilância da qualidade da água para consumo humano e implementar e sistema de vigilância à saúde relacionada aos desastres de desastres de origem natural e antropogênica e os  acidentes com produtos perigosos.

Anulllém disso, a UT DSSA também esteve reunida com o Dr Luiz Augusto Galvão, Gerente da SDE/OPAS/OMS para discutir a Cooperação Técnica e o andamento dos diversos Termos de Cooperação com o Ministério da Saúde nos temas de saúde ambiental, saúde do trabalhador,saneamento básico, promoção da saúde, segurança no trânsito e determinantes sociais da saúde. Entre os temas prioritários esta a cooperação da OPAS/OMS aos eventos de 2011 sobre saúde urbana, determinantes sociais da saúde e a Conferencia Rio +20, programada para 2012 no Rio de Janeiro.

 

 

Proyecto Mais Medicos

Campus Virtual

virus ebola na Africa

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595