Skip to content

Situação de Saúde

Imprimir E-mail

Nas últimas quatro décadas, pesquisas e inquéritos realizados no Brasil têm evidenciado o processo de transição nutricional no país, sinalizado pela redução da desnutrição em menores de 5 anos e pelo aumento do excesso de peso e da obesidade em todos os grupos etários.
Entre 1989 e 2006, o déficit de peso em menores de 5 anos reduziu de 7,1% para 1,7%, enquanto déficit de altura por idade diminuiu mais da metade da prevalência inicial (passando de 19,6% para 6,8%).
Por outro lado, o excesso de peso e a obesidade passaram a ser observados em todas faixas etárias, assumindo maiores proporções com o aumento da idade. Em 2008, a prevalência de excesso de peso atingia 34,8% dos meninos de 5 a 9 anos e 32% meninas da mesma faixa etária. Entre adultos, o excesso de peso estava presente em 50,1% dos homens e 48% das mulheres brasileiras. Já a obesidade podia ser observada em 12,5% dos homens e 16,9% das mulheres.
Alguns dos principais documentos de pesquisas e análises de dados de alimentação e nutrição podem ser visualizados em sites da Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição/Ministério da Saúde e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatítica.

Última atualização em Qui, 06 de Dezembro de 2012 09:52

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595