Skip to content

Capacidades Humanas para a Saúde

Rede ObervaRH promove capacitação em Análise e Planejamento da força de trabalho em Saúde

nullTrabalhar modelos e ferramentas econômicas utilizadas na estimativa de necessidade, demanda e oferta da força de trabalho em saúde. Essa é a proposta do Curso de Capacitação em Análise e Planejamento da Força de Trabalho, que acontece de 8 a 13 de agosto de 2011, no Rio de Janeiro. O curso, que tem um total de 40 horas, é promovido pela Rede ObervaRH em parceria com o Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro e a Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES), em parceria com a OPAS/OMS pelo Programa de Política de Recursos Humanos em Saúde (TC57).

O curso visa promover a investigação e a formação no campo da economia do trabalho e da educação em saúde do Brasil e países parceiros do MERCOSUL e da Região Andina. A capacitação destina-se a gestores, planejadores, analistas, pesquisadores, especialistas e profissionais com experiência em ciências da saúde ou sociais, em saúde ou em RH.

A abertura do curso foi realizada pela professora Célia Regina Pieratoninull - Coordenadora Geral da Rede Observatório de Recursos Humanos em Saúde-Estação de Trabalho IMS/UERJ e Diretora do Centro Colaborador da OPAS/OMS para Planejamento e Informação da Força de Trabalho em Saúde – e por Cid Manso de Mello Vianna – diretor do Instituto de Medicina Social da UERJ.

Em seguida, iniciaram-se as aulas do curso, o qual conta com a participação de alunos advindos de diversos Estados do Brasil, bem como de outros países, como Bolívia, Chile, El Salvador, Peru e Zâmbia.

Nnullo segundo dia da capacitação, em 9 de agosto,  os alunos começaram a elaborar o projeto para formação da Rede (Nacional e Regional) de Economia da Força de Trabalho em Saúde.

O teceiro dia do encontro foi destinado a discussão de fontes de dados e informação em RHS, distribuição da força de trabalho em saúde e elaboração de projeto de pesquisa.

No quarto dia do evento são discutidos os métodos de pesquisa sobre avaliações de políticas da força de trabalho em saúde e studos de caso da migração da força de trabalho em saúde na região andina.

Para o último dia do curso, na sexta-feira, dia 12, os temas são:  despesas e financiamento em RHS, estudos de caso sobre saúde, apresentação dos projetos de pesquisa e, finalmente, a  Rede (Nacional e Regional) de Economia da Força de Trabalho em Saúde.

 

Com informações e fotos do site da Rede ObervaRH e do portal do Centro Colaborador da OPAS/OMS para Planejamento e Informação da Força de Trabalho em Saúde.

 

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595