Boletins Panaftosa

Home


A OPAS/OMS no Brasil apóia a realização do Seminário “Rio Contra Dengue 2011-2012”

Imprimir E-mail

Com o apoio da OPAS/OMS no Brasil, aconteceu no período de 19 a 21 de setembro de 2011, o seminário “Rio Contra a Dengue – 2011/2012. A cerimônia de abertura contou com a presença de várias autoridades, dentre elas, o vice-governador, Luiz Fernando Pezão, o secretário de saúde e defesa civil, Sérgio Cortez, e o coordenador-geral do programa nacional de prevenção e controle da dengue, Giovanini Coelho. Compareceram também a cerimônia 37 prefeitos.
 

Todos os 92 municípios do estado foram convocados a participar do evento, que tem como objetivo discutir ações de prevenção e controle da dengue, orientar o trabalho das prefeituras e desenvolver planos de contingência municipais. Nas palavras do Vice-Governador “O combate à dengue envolve ainda várias secretarias de Governo, como Educação, com um trabalho voltado às crianças e jovens; Obras, com o monitoramento das intervenções em execução para que não tenham focos do mosquito; e Meio Ambiente, que irá intensificar a fiscalização dos ferros velhos e utilizar pneus velhos na montagem de asfaltos borrachas, entre outros. A ação de combate à dengue envolve todas as secretarias de governo, mas a participação ativa de cada um dos prefeitos e secretários municipais de saúde é fundamental para vencermos essa luta. Além disso, estamos trabalhando para fortalecer as ações do SUS para atender os pacientes que precisarem..”.

Durante a solenidade de abertura do seminário foi lançada a campanha de mobilização da população intitulada “10 Minutos Contra à Dengue”. O objetivo desta campanha é estimular a população a investir 10 minutos da semana eliminando possíveis criadouros em suas casas, já que o ambiente doméstico concentra 80% dos focos.

Como parte da programação do Seminário também foram realizadas plenárias e oficinas de trabalho. Destacamos a 2ª Plenária - Prevenção e assistência: Cingapura e Paraguai apontam o caminho do trabalho conjunto. Como expositores desta plenária estiveram o Dr. David Lee, de Cingapura; que apresentou a estratégia utilizada neste país; o Dr. Oscar Merlo Faella, diretor do Instituto de Medicina Tropical do Paraguai, que trouxe a experiência do Paraguai. Participaram também o Dr. Alexandre Chieppe, superintendente de Vigilância Ambiental e Epidemiológica da Secretaria de Estado de Saúde (SES), que apresentou uma análise dos óbitos causados por dengue em 2011 no Estado do Rio de Janeiro; e o Dr. Luís Fernando Corrêa, médico e comentarista de Saúde da Rede Globo e da Rádio CBN, que mediou a mesa.

 

 

fonte e fotos: SESDEC



  

Última atualização em Qui, 29 de Setembro de 2011 16:38
 

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595