Organização Pan-americana da Saúde. Brasil

Skip to content



Destaques

Últimas notícias

FIOCRUZ realiza a IV Oficina do Observatorio de Clima e Saúde

 Nos dias 07 e 08 de dezembro de 2011 a OPAS/OMS participou da  IV Oficina do Observatório de Clima e Saúde organizada pela FIOCRUZ. O Observatório foi lançado pela FIOCRUZ e INPE em uma reunião realizada em 2009 na Representação da OPAS/OMS em  Brasília, com  apoio técnico do Ministério de Saúde e OPAS/OMS. 

Pesquisadores das áreas de clima e de saúde, gestores e representantes de órgãos de Defesa Civil e da sociedade civil organizada participaram da  IV Oficina do Observatório Nacional de Clima e Saúde, realizada no Hotel Majestic, em Copacabana, no Rio de Janeiro, para discutir e apontar indicadores ambientais, climáticos, socioeconômicos e de saúde necessários para a análise e o monitoramento de situações geradas por eventos climáticos extremos.

Os indicadores deverão ser disponibilizados no site do Observatório, um projeto multinstitucional e transdisciplinar desenvolvido pela Fiocruz em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Ambientais (Inpe) e apoiado pelo Departamento de Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador (Dsast) do Ministério da Saúde. Criado em 2009, o Observatório reúne dados de diferentes instituições, além de suas próprias pesquisas, e integra a Rede Brasileira de Pesquisas sobre Mudanças Climáticas Globais (Rede Clima) do Ministério da Ciência e Tecnologia, encabeçada pelo Inpe. 

O Observatório tem quatro eixos prioritários: queimadas e doenças respiratórias; doenças transmitidas por vetores, incluindo dengue, malaria e febre amarela, riscos por doenças de transmissão hídrica (que inclui água e saneamento); e eventos climáticos extremos. A Oficina discutiu o 4º eixo prioritário, no tema de eventos climáticos extremos. O objetivo do observatório  é  coletar dados que permitam monitorar a mudança climática e seu impacto na saúde; produzir análises  de situação; dar alertas a situações de emergência; apoiar a investigação; dar informação à comunidade apoiando sua participação no monitoramento e ações necessárias. O objetivo da oficina foi selecionar os indicadores, as bases de dados e sócios nos setores  de ambiente, clima, sociedade e de saúde, de relevância para os eventos extremos. Participaram representantes de diversas agencia brasileiras, como CGVAM/MSaúde, INPE, IBGE, Defesa Civil entre outros.

Para mais informações acesse os sites da FIOCRUZ e da entrevista com Dr Carlos Corvalan da OPAS/OMS

   

 

 

 


 

 

Campus Virtual

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595