Organização Pan-americana da Saúde. Brasil

Skip to content



Destaques

Últimas notícias

Caem em 61% os casos de dengue no país

Nos dois primeiros meses de 2012, a Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde registrou uma aqueda de 61% nos casos da dengue no país. Neste período foram notificados 76.906 casos, enquanto que em igual período de 2011 foram notificados 195.894 casos.

 

Deste total casos, 131 casos foram confirmados como graves e 6 (seis) óbitos. Em comparação com o 1º bimestre de 2011 o que se observa é uma redução de 96% nos casos graves e óbitos confirmados. O número de casos graves e óbitos estão detalhados na tabela 1.

Tabela 1. Casos graves e óbitos de dengue confirmados 2011 e 2012 por Região e Unidade Federada*

 

* dados até a semana epidemiológica 9,  sujeitos à revisão.

As regiões Sudeste e Nordeste lideram em número notificações com 24.474 e 23.202 casos, respectivamente, o que equivale a 62% dos casos notificados no país. Nas demais regiões foram notificados os seguintes números: Norte (15.407), Centro-Oeste (10.509) e Sul (3.314). Em uma analise por estados constata-se que 12 deles concentram 82% casos notificados: RJ (10.636 casos); PE (7.164); MG (6.084); TO (5.999); BA (5.718); PA (5.611); GO (4.598); SP (4.502); CE (3.693); ES (3.252); PR (3.147) e MT (3.019). Veja o detalhamento dos dados na tabela 2.

Tabela 2. Casos notificados de dengue 2011 e 2012 comparados por Região e Unidade Federada*

 

* dados até a semana epidemiológica 9,  sujeitos à revisão.

Com relação à circulação viral foram inoculadas 1.537 amostras, em todo o país. Destas, 219 foram consideradas positivas. Houve um equilíbrio nos isolamentos dos sorotipos DENV 4 (46%) e DENV1 (51%). O sorotipo DENV 2 foi isolado em baixa proporção (3%) e o DENV 3 não foi identificado na amostra. Foi observada uma maior predominância do DENV 4 nas regiões Norte e Nordeste e nas regiões Sudeste, Centro Oeste e Sul o predomínio do DENV 1.  (figura1)

Figura 1. Sorotipos circulantes, Brasil, 2012*

 

* dados até a semana epidemiológica 8, sujeitos à revisão.

A Representação da OPAS/OMS no Brasil, em articulação com as instâncias de gestão do SUS, tem realizado uma série de ações que visaram impactar na transmissão de dengue no país e evitar os óbitos por esta enfermidade, dentre as quais podemos destacar:

- Apoio a realização das reuniões macrorregionais de avaliação do PNCD - Macrorregional Sudeste, Centro-Oeste e Sul, em 1º março no Rio de Janeiro/RJ; Macrorregional Nordeste, no dia 6 de março em Fortaleza/CE e Macrorregional Norte, no dia 8 de março em Belém/PA.

- Manutenção de um consultor nacional para dengue, por meio do 62º termo de cooperação OPAS/OMS e Ministério da Saúde – “Prevenção e controle da dengue no contexto da gestão integrada”;

- Apoio à aquisição de insumos (inseticidas e kits diagnósticos), por meio do fundo rotatório da OPAS/OMS, para o Programa Nacional destinados as ações de prevenção e controle da dengue no biênio 2011/2012;

 
 

Proyecto Mais Medicos

Campus Virtual

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595