:: Uso Racional de Medicamentos

Documents

Order by : Name | Date | Hits [ Ascendant ]

Estatinas: uso racional na cardiopatia isquêmica, v.1, n.10, 2004 Estatinas: uso racional na cardiopatia isquêmica, v.1, n.10, 2004

hot!
Date added: 01/08/2009
Date modified: 01/05/2010
Filesize: Empty
Downloads: 924

 Dislipidemias (alterações nos lipídeos séricos) constituem fator de risco para aterosclerose e, conseqüentemente, doença coronariana. Dentre as medidas de prevenção primária e secundária de cardiopatia isquêmica encontra-se o uso do grupo das estatinas, agentes hipolipemiantes.

Erros: evitar o evitável, v.2, n.7, 2005 Erros: evitar o evitável, v.2, n.7, 2005

hot!
Date added: 01/05/2010
Date modified: 01/05/2010
Filesize: 132.19 kB
Downloads: 1169

 Erros com medicamentos são mundialmente freqüentes, acarretando potencial de risco aos pacientes, e ocorrem devido a múltiplos fatores (características dos pacientes, despreparo dos profissionais de saúde, falhas nos sistemas de atendimento à saúde, insuficiente formação graduada e educação continuada dos diferentes profissionais, polifarmácia, uso de preparações injetáveis, automedicação e outros). No sentido de prevenir ou minimizar sua ocorrência e as possíveis conseqüências aos pacientes, enfatizam-se posturas e estratégias, mais coletivas que individuais.

DHDA, v.3, n.10, 2005 DHDA, v.3, n.10, 2005

hot!
Date added: 01/05/2010
Date modified: 01/05/2010
Filesize: 137.18 kB
Downloads: 756

 O diagnóstico de distúrbio de hiperatividade e déficit de atenção (DHDA) precisa ser feito a partir de critérios bem definidos, bem como o de co-morbidade coexistente, já que há respostas terapêuticas diferentes em uma e outra condição. O tratamento específico por curto prazo com metilfenidato em crianças e adolescentes com DHDA parece controlar os sintomas centrais da doença, às custas de alguns efeitos adversos que comprometem o desenvolvimento estaturoponderal dos pacientes.

Depressão perinatal, v.4, n.11, 2006 Depressão perinatal, v.4, n.11, 2006

hot!
Date added: 01/06/2010
Date modified: 01/06/2010
Filesize: 189.88 kB
Downloads: 582

O balanço entre os efeitos nocivos da depressão perinatal ou do tratamento com antidepressivos, especialmente inibidores seletivos da serotonina (ISRS), sobre o feto e o recém-nascido é difícil de determinar com base nos estudos contemporâneos.

Depressão Maior: da descoberta à soluação?, v.1, n.5, 2004 Depressão Maior: da descoberta à soluação?, v.1, n.5, 2004

hot!
Date added: 01/08/2009
Date modified: 01/05/2010
Filesize: Empty
Downloads: 617

 Depressão maior é um distúrbio afetivo freqüente, sério, incapacitante e tratável. Muitas vezes não é diagnosticado e, quando o é, pode não receber manejo adequado. Cada vez mais o manejo da depressão deve ser feito no âmbito da atenção primária à saúde. Para formas mais leves de depressão, tratamentos psicológicos estão indicados. Nas formas mais graves, recomenda-se farmacoterapia, coadjuvada por abordagens psicológicas.

<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>
Página 7 de 10

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595