Skip to content

:: Atenção Primária em Saúde

Documents

Order by : Name | Date | Hits [ Ascendant ]

Renovação da Atenção Primária em Saúde nas Américas Renovação da Atenção Primária em Saúde nas Américas

hot!
Date added: 01/25/2010
Date modified: 01/25/2010
Filesize: 1.55 MB
Downloads: 1603

Documento de Posicionamento da Organização Pan–Americana da Saúde/ Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS).

Renewing Primary Health Care in the Americas Renewing Primary Health Care in the Americas

hot!
Date added: 01/08/2010
Date modified: 01/08/2010
Filesize: 3.23 MB
Downloads: 681

 A position paper of the Pan American Health Organization / World Health Organization (PAHO/WHO)

Renovação da Atenção Primária em Saúde nas Américas Renovação da Atenção Primária em Saúde nas Américas

hot!
Date added: 01/08/2010
Date modified: 01/08/2010
Filesize: 1.55 MB
Downloads: 1887

 Documento de Posicionamento da Organização Pan–Americana da Saúde/ Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS).

Caderno de Atenção Básica no. 17 - Saúde Bucal Caderno de Atenção Básica no. 17 - Saúde Bucal

hot!
Date added: 01/08/2010
Date modified: 01/08/2010
Filesize: 2.25 MB
Downloads: 952

 Publicação aborda as políticas de saúde bucal existentes, a organização da saúde bucal na atenção básica e apresenta ainda os principais agravos e as recomendações para referência e contra-referência aos centros de especialidades odontológicas.

Evaluation of the impact of the Family Health Program on infant mortality in Brazil Evaluation of the impact of the Family Health Program on infant mortality in Brazil

hot!
Date added: 01/08/2010
Date modified: 01/08/2010
Filesize: 104.65 kB
Downloads: 764

 Com vistas à investigação dos óbitos infantis como fonte de informações referentes ao acesso, adequação e qualidade dos serviços de atenção à saúde, assim como da efetividade dos mesmos (grau de adequação da assistência prestada), o artigo trata de todos os óbitos de crianças menores de um ano residentes no Distrito de Pau da Lima, Salvador, em 1991. O Distrito conta com uma população de 160.000 habitantes, de baixa renda em sua maioria, e pode ser definido como uma área deficiente de infra-estrutura urbana e saneamento básico. A fonte de dados pode ser definida como o acesso aos prontuários hospitalares e de visitas domiciliares. Por meio da análise dos óbitos, pode-se perceber que as entrevistas com mães e familiares muitas vezes carecem de preenchimento adequado, acarretando em perda de informações relevantes no processo de pesquisa. Ainda assim, é a baixa organização das estatísticas hospitalares que mais dificultaram o processo.

<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>
Página 1 de 10

Setor de Embaixadas Norte, Lote 19, 70800-400 Brasília, DF, Brasil
Caixa Postal 08-729, 70312-970 - Brasilia, DF, Brasil
Tel: +55 61 3251-9595