Diretor da Missão da USAID no Brasil avalia o projeto OPAS/USAID para o controle da tuberculose em Manaus

Imprimir E-mail

nullNo dia 13 de Junho de 2011 foi realizada em Manaus uma visita da equipe da USAID, liderada por Lawrence Hardy, Diretor da Missão de USAID no Brasil, com o propósito de avaliar o projeto piloto de controle da tuberculose no Distrito Oeste desse município, desenvolvido em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde OPAS/OMS no Brasil.

O Amazonas é uma das unidades federadas com as maiores taxas de incidência de tuberculose no Brasil, e a maioria dos casos estão concentrados em Manaus. O projeto tem como objetivo apoiar a implantação das atividades de controle da tuberculose em Manaus propostas pela esfera federal, e sugeridas pela OPAS/OMS nas suas estratégias mundiais.

O principal foco do projeto-piloto que vem sendo desenvolvido, desde 2010, no Distrito de Saúde Oeste pelo Programa Municipal de Controle da Tuberculose é o Tratamento Diretamente Observado (TDO). O coordenador do programa, Jair Pinheiro, explicou que a Estratégia TDO visa a redução dos índices de abandono de tratamento e, consequentemente, a ampliação dos índices de cura. A cobertura da estratégia TDO na forma pulmonar da tuberculose que, em 2009, estava em 34,5% dos casos, passou para 49,2%, em 2010.

Após acompanhar a apresentação dos indicadores do projeto, Lawrence Hardy disse que “A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) está no caminho correto para assegurar o acesso dos doentes ao tratamento para a tuberculose. Em parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde e a USAID, o programa municipal de controle da doença vem atingindo resultados sustentáveis, o que é muito relevante”, afirmou o diretor da Missão USAID Brasil. Além de Hardy, a coordenadora de saúde da USAID, Nena Lentini, também participou da visita técnica a Manaus.

Como parte da visita, o Dr. Francisco Deodato, Secretário Municipal de Saúde, anunciou o inicio da descentralização das atividades diagnósticas para a tuberculose no municipio de Manaus através do fortalecimento da rede de laboratorios nos distritos prioritários. A oferta do exame começará pelo Laboratório Distrital Norte Dr. Manoel Bastos Lira, que será inaugurado nesta quarta-feira (15), na Cidade Nova. Em julho, o procedimento também estará disponível no Laboratório Distrital Oeste, inaugurado pela Prefeitura em abril, no bairro da Compensa.

Última atualização em Ter, 21 de Junho de 2011 13:37