Oficinas sobre Aleitamento Materno e Alimentação Complementar na região do Alto Rio Solimões

Imprimir E-mail

Entre 26 e 28 de novembro, foram realizadas duas oficinas sobre aleitamento materno e alimentação complementar saudável para cerca de 70 Agentes Indígenas de saúde e profissionais de nível médio dos pólos base de Tabatinga e Benjamin Constant, no Alto Rio Solimões.

O propósito das oficinas foi o de aperfeiçoar a qualificação desses profissionais para a promoção e o apoio ao aleitamento materno e à alimentação complementar no sistema de saúde local.
Na ocasião, foi possível debater e refletir sobre a qualidade da alimentação das crianças menores de dois anos na região do Alto Rio Solimões e conceituar o termo de alimentação complementar saudável. Ao final, os participantes dos serviços de saúde indígena tiveram a oportunidade de adaptar os Dez Passos de uma Alimentação Complementar Saudável para menores de 2 anos, à realidade local.

Esta é uma iniciativa da OPAS, no âmbito Programa Conjunto de Segurança Alimentar e Nutrição Indígena de Mulheres e Crianças Indígenas, que vem sendo conduzida pela Rede Internacional em Defesa pelo Direito de Amamentar – IBFAN, desde 2010.

 

Última atualização em Qua, 26 de Dezembro de 2012 09:07