Mobilização de Redes Colaborativas Nacionais para Cooperação Sul-Sul em Saúde

Imprimir E-mail

Visa o suporte técnico e operacional para mobilizar as redes de cooperação técnica atuantes no Brasil para interagir com instituições da América Latina e dos países lusófonos da África, em atividades preparatórias ou fomentadoras para o desenvolvimento de consórcios ou parcerias de pesquisas e ensino.

Esse componente visa disseminar a estratégia de cooperação técnica com apoio da internet, congregando instituições de ensino e pesquisa com instituições gestoras do sistema de saúde.

Atualmente, conta com os seguintes projetos:

 


Anel de Redes (Web Rings) de Observatórios de RH

O propósito desse projeto é promover a constituição de enlaces entre a Rede ObservaRH no Brasil e os observatórios de RH de saúde de outros países, mediante apoio para a constituição de redes nacionais e regionais na América Latina.

O plano de trabalho inicial contemplou a Região Andina com a criação da Rede ObservaRh Edmundo Granda (www.observarh.org/andino), inaugurada simbolicamente na IX Conferencia Regional de Observatórios de RH das Américas em novembro de 2008, em Santiago do Chile, cujo lançamento oficial ocorreu em 21/07/2009 em sessão via Elluminate.

Saiba mais

voltar

 


Apoio à cooperação técnica junto à Rede ePORTUGUESe

Projeto com objetivo de difusão de conhecimento gerado no âmbito da OPAS/OMS no Brasil para favorecer o acesso à literatura técnico-científica e institucional em português, aos países que integram a CPLP, destacando-se a circulação da informação nos canais de comunicação estabelecidos por esta rede: Biblioteca virtual em Saúde, Biblioteca Azul em Português e o Blog da Rede. Busca ainda garantir que a literatura da OMS e OPAS sejam traduzidas para o idioma português permitindo maior difusão desse conhecimento aos gestores, pesquisadores e profissionais nacionais dos países da CPLP.

Resumo Executivo


Blog da Rede ePORTUGUESe http://eportuguese.blogspot.com/


voltar


Conexão Ensp/ Fiocruz do Campus Virtual em Saúde Pública (CVSP/OPAS)

O Campus Virtual em Saúde Pública (CVSP) é a estratégia da OPAS/OMS para promover aprendizagem em rede, mediada por tecnologias interativas. Funciona como uma rede de pessoas e instituições que compartilham o propósito de facilitar a gestão da informação e comunicação para desenvolver competências individuais e capacidades institucionais em saúde pública.

No Brasil, o CVSP corresponde à Universidade Aberta do SUS, apoiada pela Unidade Técnica de Políticas de Recursos Humanos em Saúde da Opas/Brasil, em cooperação com o Departamento de Gestão da Educação em Saúde da SGTES/MS. A Escola Nacional de Saúde Pública - ENSP/Fiocruz integra a conexão Brasil do CVSP, que é o ponto de enlace entre a rede nacional (UNA-SUS) e a regional (CVSP). A ENSP/Fiocruz vem progressivamente disponibilizando recursos educacionais próprios, como teses e monografias no CVSP. O trabalho articulado seguirá com a definição de padrões nacionais para circulação de recursos educacionais em saúde e com a expansão da metodologia do CVSP para as Universidades participantes do Projeto Piloto de Especialização em Larga Escala em Saúde da Família da UNA-SUS e os Núcleos do Programa Nacional de Telessaúde.

Resumo Executivo

voltar

 


Rede CADRHU/CIRHUS - Região Andina

O objetivo dessa Rede é apoiar quatro países da sub-região andina (Chile, Colômbia, Equador e Peru) no fortalecimento de capacidades nacionais de liderança e condução de políticas de recursos humanos no marco do Chamado à Ação de Toronto, mediante cursos de especialização em gestão de políticas de recursos humanos em saúde, com a metodologia CADRHU/CIRHUS. Esses cursos estão sendo implantados, com apoio da equipe CADRHU, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte pela Universidad del Valle e Universidad del Bosque, na Colômbia; Universidad Central del Ecuador/Instituto de Salud Pública, no Equador; Universidad Peruana Cayetano Heredia/Escuela de Salud Pública, no Peru; Universidad Nacional de Chile e Universidad Católica de Chile.


Produtos:

• Protagonismo Silencioso

• Avaliação 1º CIRHUS - Equador

voltar


Rede Internacional de Educação de Técnicos em Saúde - RETS

A RETS é uma estratégia de articulação e cooperação técnica entre instituições vinculadas à educação de técnicos em saúde com o objetivo de fortalecer os sistemas nacionais de saúde. A RETS articula 100 instituições da região das Américas, África e Europa, incluindo instituições de ensino técnico, entidades associativas desses profissionais, órgãos de governo e Representações da OPAS/OMS.

Resumo Executivo


Produtos

• Site da Rede Internacional de Educação de Técnicos em Saúde - RETS 

• Revista RETS 1

• Revista RETS 2

• Revista RETS 3

• Revista RETS 4

• A silhueta do invisível: a formação dos trabalhadores técnicos em saúde no MERCOSUL

voltar


Rede Saúde & Diplomacia

Projeto sob coordenação técnica do Centro de Relações Internacionais em Saúde/Fiocruz que visa desenvolver e disseminar uso de ferramentas de construção coletiva de conhecimento e de relacionamentos em comunidades sobre o tema e estimular o desenvolvimento da CTP mediante uso da Internet como facilitador da articulação entre os integrantes de redes de conhecimento em áreas de interesse no campo da saúde pública e da diplomacia em saúde.

Resumo Executivo

Produtos

Sítio Web Saúde & Diplomacia 

Boletim Arco Noticias

 voltar


Rede de Cooperação Técnica de RH em Saúde da UNASUL  O objetivo do projeto é promover e articular a constituição e funcionamento de uma Rede de Cooperação Técnica entre Países para fortalecer os sistemas nacionais de saúde dos países integrantes da UNASUL.

As ações realizadas pela Rede UNASUL serão prioritariamente aquelas relacionadas a compartilhar informações e conhecimentos na área da saúde, promover a articulação entre os países-membros, compartilhar metodologias e recursos tecnológicos destinados às atividades de pesquisa e cooperação técnica em saúde e propiciar o intercâmbio de profissionais e dirigentes para formação técnica.

A coordenação descentralizada do projeto está a cargo do Centro de Relações Internacionais em Saúde - Fundação Oswaldo Cruz

Resumo Executivo

voltar


RIPSA Internacional

O objetivo do projeto é divulgar os êxitos, obstáculos, estratégias e metodologias da RIPSA; estimular a troca de experiências semelhantes com relevância para a saúde global; mapeamento de necessidades e oportunidades de CTP nessa área.

Rede RIPSA: http://www.ripsa.org.br

Produtos

Relatório final

 voltar


 

 

Última atualização em Qui, 27 de Maio de 2010 12:45