Municípios e Comunidades Saudáveis

Imprimir E-mail

A estratégia de Municípios e Comunidades Saudáveis (MCS) representa a concretização de uma das abordagens locais mais efetivas da promoção de saúde. Sob a ótica da saúde como qualidade de vida, as ações da estratégia de MCS têm como enfoque estratégico os determinantes da saúde mais do que as conseqüências em termos da doença.

A estratégia de Municípios e Comunidades Saudáveis (MCS) representa a concretização de uma das abordagens locais mais efetivas da promoção de saúde. Sob a ótica da saúde como qualidade de vida, as ações da estratégia de MCS têm como enfoque estratégico os determinantes da saúde mais do que as conseqüências em termos da doença.

Em resumo, o que se pretende é facilitar os mecanismos para que as pessoas possam melhorar suas condições de vida. A estratégia de MCS também enfoca a união entre autoridades locais e membros da comunidade e o estabelecimento e fortalecimento de parcerias.

Em essência, um município saudável é aquele que tendo alcançado um pacto social entre as organizações representativas da sociedade civil, as instituições de vários setores e as autoridades políticas locais, compromete-se com a promoção da saúde, visando a melhoria da qualidade de vida da população. A chave para construir um Município ou Comunidade Saudável é muitas vezes uma mudança de atitude quanto aos modos de promover a saúde no sentido mais amplo, através de mudanças nas políticas, legislações e serviços que geralmente o município provê. Portanto, é fundamental que todo o corpo técnico municipal conheça em que consiste a estratégia de MCS e que a adote em suas rotinas, pois todos os setores podem realizar contribuições construtivas para esta abordagem.

É importante que a estratégia seja implementada intersetorialmente porque várias ações fora da área da saúde são determinantes para a melhoria da qualidade de vida da população.

Última atualização em Sáb, 08 de Agosto de 2009 15:10