Diretor da Missão da USAID no Brasil avalia o projeto OPAS/USAID para o controle da tuberculose em Manaus

nullNo dia 13 de Junho de 2011 foi realizada em Manaus uma visita da equipe da USAID, liderada por Lawrence Hardy, Diretor da Missão de USAID no Brasil, com o propósito de avaliar o projeto piloto de controle da tuberculose no Distrito Oeste desse município, desenvolvido em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde OPAS/OMS no Brasil.

O Amazonas é uma das unidades federadas com as maiores taxas de incidência de tuberculose no Brasil, e a maioria dos casos estão concentrados em Manaus. O projeto tem como objetivo apoiar a implantação das atividades de controle da tuberculose em Manaus propostas pela esfera federal, e sugeridas pela OPAS/OMS nas suas estratégias mundiais.

O principal foco do projeto-piloto que vem sendo desenvolvido, desde 2010, no Distrito de Saúde Oeste pelo Programa Municipal de Controle da Tuberculose é o Tratamento Diretamente Observado (TDO). O coordenador do programa, Jair Pinheiro, explicou que a Estratégia TDO visa a redução dos índices de abandono de tratamento e, consequentemente, a ampliação dos índices de cura. A cobertura da estratégia TDO na forma pulmonar da tuberculose que, em 2009, estava em 34,5% dos casos, passou para 49,2%, em 2010.

Após acompanhar a apresentação dos indicadores do projeto, Lawrence Hardy disse que “A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) está no caminho correto para assegurar o acesso dos doentes ao tratamento para a tuberculose. Em parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde e a USAID, o programa municipal de controle da doença vem atingindo resultados sustentáveis, o que é muito relevante”, afirmou o diretor da Missão USAID Brasil. Além de Hardy, a coordenadora de saúde da USAID, Nena Lentini, também participou da visita técnica a Manaus.

Como parte da visita, o Dr. Francisco Deodato, Secretário Municipal de Saúde, anunciou o inicio da descentralização das atividades diagnósticas para a tuberculose no municipio de Manaus através do fortalecimento da rede de laboratorios nos distritos prioritários. A oferta do exame começará pelo Laboratório Distrital Norte Dr. Manoel Bastos Lira, que será inaugurado nesta quarta-feira (15), na Cidade Nova. Em julho, o procedimento também estará disponível no Laboratório Distrital Oeste, inaugurado pela Prefeitura em abril, no bairro da Compensa.