A Missão de Avaliação Externa do Projeto AMI/RAVREDA visita o estado do Acre.

A Missão de Avaliação Externa do Projeto AMI/RAVREDA, onde participam os expertos em malária, Dr. José Antonio Nájera e Dr. Gabriel Schmunis da OPAS/OMS, junto com o Biolólgo Oscar Lapouble, do Programa Nacional de Controle da Malária - SVS/MS e a Dra. Mayira Sojo-Milano, Consultora Regional para Malária Coordenadora do Projeto AMI/RAVREDA, visitou o Estado do Acre, nos dias 20-22 de julho 2011. Na foto: Dr. José Antonio Nájera , Dr. Gabriel Schmunis e Dra. Suely Melo - Secretária de Estado de Saúde  - SESACRE.

Durante a primeira parte desta visita, a Missão conversou com o Dra. Suely Melo, Secretária de Saúde do Estado e a Eng. Izanelda Magalhães, nas instalações da Secretaria de Estado de Saúdeo do Acre -  SESACRE. As funcionárias compartilharam a história da malária no Estado do Acre, como as intervenções técnicas e administrativas para as ações desenvolvidas na luta contra a doença.  Explicaram aspectos fundamentais da estrutura e gestão do Programa de Malaria do Estado, além de seus planos e perspectivas para o período. Elas informaram do interesse do Senhor Governador, Dr. Tião Viana, no desenvolvimento das atividades e dos recentes trabalhos com uma Sala de Situação em Saúde.

Na Gerência de Endemias do Município de Cruzeiro do Sul, os avaliadores visitaram as instalações e observaram as condições nas áreas de vigilância e sistemas de informação para malária, farmácia, almoxarifado de inseticidas. Visitaram o Laboratório de Revisão de lâminas, áreas de fornecimento e processamento de materiais de laboratório, observaram a existência de transporte terrestre e fluvial para as equipes e unidades e discutiram alguns aspectos do sistemas de vigilância, registro e analise da informação. Os técnicos que acompanharam a Missão foram Thayna Holanda, Gerente Estadual de Endemias-SESACRE, e Simone Daniel Da Silva, Gerente de Endemias do Município Cruzeiro do Sul e o Dr. Giovanni SanMiguel, Consultor do Programa de Controle da Malária pelo Projeto com o Fundo Global.

Os Consultores puderam visitar diferentes cenários no Município, conferindo a uniformidade na aplicação das estratégias de notificação, diagnóstico, tratamento e seguimento, alem do controle, especialmente com mosquiteiros tratados com inseticidas de longa duração, tanto na área rural como em área urbana e suburbana, onde as atividades econômicas estão relacionadas com a piscicultura e agricultura e as casas de farinha . Na área rural visitaram as localidades de Colônia Boca de Alemanha, Santa Luzia, Santa Rosa e São Pedro. Na área urbana, visitaram as localidades de Cruzeirinho e São Salvador e na área ribeirinha, estiveram em Boca do Moa. Visitaram também o posto de Pronto Socorro onde um posto de Notificação e Diagnóstico de Malária opera 24 horas do dia, todos os dias do ano, no Hospital Municipal.

O percurso foi fechado com uma reunião no escritório da Gerência Estadual de Endemias, para fazer um resumo da atividade. As observações feitas irão contribuir para a valoração dos alcances do Projeto AMI/RAVREDA no apoio do desenvolvimento das ações de controle da malária no Estado do Acre e no Brasil.

Veja matéria veiculada na TV