O Global Index Medicus (GIM) oferece acesso exclusivo a evidência e informação em saúde produzida em países de baixa e média renda. Os principais objetivos do GIM são aumentar o acesso, a visibilidade, o uso e o impacto da informação em saúde publicada nos países e regiões em questão. Seu conteúdo é uma adição relevante ao corpo internacional de conhecimento científico e garante a cobertura da maioria da evidência sobre tópicos de saúde para a elaboração de revisões sistemáticas e diretrizes que apoiam na tomada de decisão e na elaboração de políticas em saúde pública.

O material GIM é coletado e agregado pelas Bibliotecas do Escritório Regional da OMS em uma plataforma de pesquisa central que permite recuperar informações bibliográficas que permite a recuperação de informação bibliográfica e texto completo relacionada às especificidades de contexto e os desafios do mundo real encontrados nos níveis regional e nacional, essenciais para a produção de informação e orientação relevante e acionável.

A plataforma GIM é extremamente importante para o trabalho normativo da OMS e para o mundo científico em geral, pois fornece acesso à literatura científica que não está incluída nas principais bases de dados internacionais (como o PubMed) e complementa o corpo de conhecimento necessário para realizar revisões sistemáticas e pesquisa de evidência aprofundada, por exemplo.

A responsabilidade pela plataforma GIM foi atribuída ao Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (BIREME/OPAS/OMS), em coordenação com a Biblioteca e Rede de Informação para o Conhecimento da OMS (Library and Information Network for Knowledge, LNK/OMS), considerando a experiência do Centro no desenvolvimento da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), que foi adotada e adaptada para o GIM.

As atividades de cooperação técnica da BIREME/OPAS/OMS para o GIM em 2018/2019 foram reconhecidas pelas equipes do LNK/OMS e pelos escritórios regionais da OMS, reforçando a importância de sua continuidade e ampliação no campo do Global Library Group.

A nova plataforma GIM que está disponível agora é muito mais "poderosa" e permite aprofundar o conteúdo com filtros de pesquisa extensos, recursos avançados de pesquisa e sugestões de leitura adicional, por exemplo. Também nos permite coletar estatísticas de pesquisa e uso, além de informação bibliométrica que ajuda a avaliar o impacto do conteúdo e da plataforma.

A nova plataforma GIM permite a recuperação de aproximadamente 2 milhões de referências bibliográficas, com mais de 1 milhão disponíveis em texto completo.