O slogan do Dia Mundial da hepatite 2020 é “Um Futuro Livre de Hepatite”. Em maio de 2016, a Assembleia Mundial da Saúde aprovou a Estratégia do Setor Global de Saúde sobre a hepatite viral, que propõe eliminá-la como uma ameaça à saúde pública até 2030 (definida como uma redução de 90% incidência e 65% da mortalidade em relação às hepatites B e C). Os serviços de prevenção e atenção para a hepatite são essenciais, inclusive durante a pandemia de Covid-19.

A mortalidade anual global por hepatite viral é comparável à do HIV, tuberculose ou malária e provavelmente excederá o número de vítimas dessas três doenças combinadas até 2040, sob o atual status quo. As hepatites são doenças causadas por vírus, responsáveis por elevados níveis de morbidades e mortalidade a nível mundial. Estima-se que 57% dos casos de cirrose hepática e 78% dos casos de câncer primário de fígado sejam causados pelos vírus das hepatites B e C. Reconhecendo o importante problema de saúde pública que representam as hepatites, a 63° Assembleia Mundial da Saúde realizada em 2010 designou o dia 28 de julho como o Dia Mundial de Combate à Hepatite e faz um apelo mundial para uma resposta integral na luta contra a hepatite. Desde então, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e a Organização Mundial da Saúde (OMS) se mobilizam para unir esforços e estabelecer estratégias para combater a hepatite a nível regional e global.

A Região da América Latina e Caribe obteve significativos avanços em termos de vacinação, e todos os países incluíram a vacinação contra a hepatite B em seus calendários de vacinação para crianças, e 25 dos 52 países e territórios incluíram a dose universal para recém nascidos nas primeiras 24h de vida. Também estão disponíveis os testes sorológicos para detecção e diagnóstico das hepatites B e C. Entretanto, o acesso ao tratamento da hepatite C com antivirais de ação direta é muito limitado na Região. Dezessete países informam dispor destes medicamentos para tratar hepatite C crônica, porém o número de pessoas que recebem o tratamento é muito limitado.

Dados da hepatite na Região

A OPAS estima que em 2019 há 3,9 milhões de pessoas vivendo com hepatite B crônica; 7,2 milhões vivendo com hepatite C crônica; e 125 mil pessoas morreram de câncer de fígado e cirrose hepática no decorrer do ano passado.

hepatites virais es

Fontes:
Hepatitis. Organización Panamericana de la Salud. Disponible en: https://www.paho.org/es/temas/hepatitis

Día Mundial contra la Hepatitis 2020. Organización Panamericana de la Salud. Disponible en: https://www.paho.org/es/campa%C3%B1as/dia-mundial-contra-hepatitis-2020

 

Links de interesse

Infográfico Hepatite e COVID-19 (em espanhol)

Vitrine do Conhecimento sobre Hepatite

Cinco perguntas e respostas sobre as hepatites (em espanhol)

Página da OMS sobre hepatite (em espanhol)

American Liver Foundation (em inglês)

Página do CDC dos Estados Unidos sobre hepatite (em inglês)

Coalition for Global Hepatitis Elimination (em inglês)

Páginas da OPAS sobre as hepatites Hepatitis A | Hepatitis B | Hepatitis C | Hepatitis D | Hepatitis E (em espanhol)