|||| Este conteúdo foi arquivado e não é mais atualizado. ||||


A forma aguda desta enfermidade caracteriza-se por febre variável, linfoadenopatia, mal estar, hepatoesplenomegalia, geralmente não se observa em crianças , a maioria das infecções apresentam-se poucos sintomas  ou são assintomáticos.

Em 20 a 30 % das infecções aparecem manifestações crônicas irreversíveis em etapas posteriores da vida. Pode ocorrer uma reação inflamatória no sítio da infecção (Chagoma) que dura até oito semanas.

Em uma porcentagem pequena dos casos agudos observa-se um edema unilateral nas pálpebras. A miocardite e a meningoencefalite colocam em perigo a vida ou levando a casos fatais.

O agente infeccioso Trypanossoma cruzi no ser humano apresenta-se como hemoflagelado (Tripomastigota) e também como um parasita intracelular (amastigota) sem flagelo externo.

Para maiores informações:

Acesse o site da PAHO