O Programa Estadual de Controle da Malária do Acre tem sido reconhecido durante três anos consecutivos com o prêmio de Campeão na Luta contra a Malária nas Américas outorgado pela Fundação Pan-Americana de Saúde e Educação (PAHEF), George Washington University e a OPAS/OMS. No ano de 2013, a proporção de infecção por P. falciparum no estado foi de 30% e apresentou aumento de 60% quando comparado com o ano de 2012. O número de internações apresentou diminuição de 4% no estado e 8% em Cruzeiro do Sul. Em 2013 o município de Cruzeiro do Sul notificou 19.911 casos de malária, correspondendo a 59% do total de casos notificados no estado do Acre.

No período de 19 a 21 de fevereiro de 2014, o assessor regional para malária nas Américas da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS/OMS), Keith Carter, o coordenador da Unidade Técnica de Doenças Transmissíveis e Análise de Situação de Saúde, Enrique Vázquez, o consultor nacional em malária da OPAS/OMS no Brasil, Oscar Mesones Lapouble, e a assessora técnica do Programa Nacional de Controle da Malária do Ministério da Saúde do Brasil, Liana Blume, realizaram visita à Secretaria Estadual de Saúde do Acre (SESACRE) e à Gerência de Endemias de Cruzeiro do Sul com o objetivo de acompanhar as ações de prevenção e controle de malária.

Esta visita foi acompanhada pela Secretária de Estado da Saúde, Suely Melo e pelos técnicos da SESACRE, Izanelda Magalhães e Thayna Holanda. A visita foi importante para conhecer melhor a estratégia que vem sendo realizada no Acre e apontar algumas sugestões aos três níveis do governo: Federal, Estadual e Municipal.