A Copa do Mundo da FIFA chegou ao Brasil e Didier Drogba, estrela do futebol mundial e da seleção de Costa do Marfim chegou em Brasília. Drogba, Embaixador da Boa Vontade do Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (PNUD), faz um chamado sobre a importância de usar redes mosquiteiras na prevenção e controle da malária. Embora as taxas de mortalidade da malária globais tenham reduzido em mais de 40% desde o ano de 2000, a doença ainda causa mais de meio milhão de vidas a cada ano, principalmente mulheres grávidas e crianças menores de 5 anos. (clique na imagem para assistir o video)

A malária é uma doença infecciosa febril aguda, causada por protozoários transmitidos pela picada de mosquitos do gênero Anopheles.

No Brasil, reveste-se de importância epidemiológica, pela sua elevada incidência na região Amazônica e potencial gravidade clínica quando não tratada de forma precoce. Causa consideráveis perdas sociais e econômicas na população sob risco, principalmente àquela que vive em condições precárias de habitação e saneamento.

Fonte:Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD)

Para saber mais sobre saúde e Copa do Mundo: