Livro:  Educação Baseada na Comunidade para as Profissões da Saúde: Aprendendo com a Experiência BrasileiraA Educação Baseada na Comunidade (EBC) para as profissões da saúde é uma demanda global, e o Brasil vem mostrando-se sensível, pioneiro e inovador nas ações de aproximação entre a Universidade e o Sistema de Saúde, para além do cenário hospitalar. O livro Educação Baseada na Comunidade para as Profissões da Saúde: Aprendendo com a Experiência Brasileira, interessa a docentes, profissionais e gestores do Sistema Único de Saúde (SUS), além dos representantes de Conselhos Locais e Municipais de Saúde, dada a importância e envolvimento de cada um destes grupos nas discussões e pactuações sobre as atividades de EBC. 

A Educação Baseada na Comunidade (EBC) para as profissões da saúde é uma demanda global, e o Brasil vem mostrando-se sensível, pioneiro e inovador nas ações de aproximação entre a Universidade e o Sistema de Saúde, para além do cenário hospitalar. O livro Educação Baseada na Comunidade para as Profissões da Saúde: Aprendendo com a Experiência Brasileira, interessa a docentes, profissionais e gestores do Sistema Único de Saúde (SUS), além dos representantes de Conselhos Locais e Municipais de Saúde, dada a importância e envolvimento de cada um destes grupos nas discussões e pactuações sobre as atividades de EBC. A Organização Pan-Americana de Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) no Brasil, reconhecendo a importância da experiência brasileira em centrar os contextos formativos no cerne dos serviços de saúde das comunidades traduziu o livro para o inglês e espanhol.

O conceito de educação baseada na comunidade (EBC) no contexto da formação de profissionais da saúde é da segunda metade do século XX, mais precisamente da década de 1970. Desde sua proposição, este tem sido um tema que ganhou importância, já que é um referencial para o desenho de currículos de todos os cursos da área da saúde, constando como recomendação de diretrizes e recomendações para o desenho de currículos em praticamente todo o mundo.

Ao mesmo tempo, mostrou-se de grande relevância para que a formação profissional e contribui para aumentar o acesso e a cobertura aos serviços de saúde, devido a que permite fazer uma ponte entre as escolas de profissionais e a realidade dos serviços na Atenção Básica de Saúde.

No Brasil, faz parte de todas as diretrizes curriculares dos cursos da graduação da área da saúde formalmente, desde o ano de 2001, tendo sido reafirmado, mais recentemente, na publicação das novas diretrizes dos cursos de graduação em medicina, publicadas em 2014. Apesar de não se tratar de um conceito novo, existem poucas experiências documentadas sobre os desafios de implementação de disciplinas, módulos ou estágios que tenham a educação baseada na comunidade como um eixo central do seu currículo. Este livro inova ao trazer relatos de experiências e formas únicas e criativas que foram encontradas para aproximar profissional da saúde em formação daqueles cenários, onde certamente atuarão após o término da graduação.

 
Acesse a vesão em inlgês da publicação (Community Based Education for the Health Professions) e a versão em espanhol (Educacion basada en la comunidad para las profesiones de salud).