Centro Latino-Americano de Perinatologia, Saúde da Mulher e Reprodutiva. Conjunto de ferramentas para o fortalecimento da parteria nas Américas. Montevidéu: CLAP/SMR, 2014. (CLAP/ SMR. Publicação Científica, 1599-03). ISBN 978-92-75-71831-5Centro Latino-Americano de Perinatologia, Saúde da Mulher e Reprodutiva.
Conjunto de ferramentas para o fortalecimento da parteria nas Américas.
Montevidéu: CLAP/SMR, 2014. (CLAP/SMR. Publicação Científica, 1599-03).
ISBN 978-92-75-71831-5

pdf  Texto Completo       pdf español       pdf English

O interesse da Organização Mundial da Saúde (OMS) por fortalecer os serviços de obstetrícia surge do reconhecimento de que para alcançar uma redução eficaz e sustentável da mortalidade, tanto das mães como dos recém-nascidos, é preciso contar com pessoal de saúde qualificado e dotado das destrezas fundamentais para a obstetrícia. Existe um constante interesse internacional pelo papel da parteira nas estratégias mundiais dirigidas a melhorar a saúde da mulher.


O documento Conjunto de ferramentas para o fortalecimento da obstetrícia se concentra particularmente no papel e na função das parteiras (profissionais) plenamente qualificadas, tendo como eixo central a prestação de serviços de saúde sexual e reprodutiva de qualidade. Foram traçadas diretrizes para ajudar os Estados-Membros para levar a um fortalecimento dos serviços obstétricos. Estas diretrizes foram elaboradas por peritos nas mais diversas áreas, aproveitando as lições dos países que já conseguiram desenvolver com bastante sucesso serviços obstétricos de qualidade acessíveis a toda mulher. As diretrizes podem ser utilizadas para estabelecer ou para revisar os programas de obstetrícia existentes, adaptando-se às necessidades e prioridades de cada país.