Formalizado o TA2/TC93 para o aprimoramento contínuo da BIREME

18 Jan 2021
pagina OPS Brasil con TC93/TA2

O 2° Termo de Ajuste ao Termo de Cooperação 93 (TA2/TC93) entre o Ministério da Saúde do Brasil e a Organização Pan-Americana da Saúde tem por objetivo o desenvolvimento de ações vinculadas ao  “Desenvolvimento e aprimoramento do Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (BIREME), no contexto da gestão da informação e do conhecimento na Agenda 2030 e Saúde Universal.

A formalização do TA2/TC93, que acompanha a vigência do TC93, ou seja, de 2020 a 2022 ocorreu em 20 de novembro de 2020, com a publicação da assinatura do TC no Diário Oficial da União (DOU) pela Representante da OPAS/OMS no Brasil, Socorro Gross Galiano, e do Secretário-Executivo Adjunto do Ministério da Saúde, Jorge Luiz Kormann.

Este resultado reforça o compromisso do Governo do Brasil, por meio do Ministério da Saúde, com o desenvolvimento, fortalecimento institucional e programa de cooperação técnica da BIREME/OPAS/OMS desde sua existência, há quase 54 anos. Os entendimentos desde 2019 se estenderam por 2020 em meio à pandemia global de COVID-19, tendo sido realizadas várias reuniões e intercâmbios entre o Ministério da Saúde e o Centro, representado por seu Diretor, Diego Gonzalez, e Gerentes. Destaca-se também o apoio dos membros e especialistas dos Comitês de Governança, Comitê Assessor e Comitê Científico da BIREME que representaram o Brasil e que apoiaram neste processo.

                                                                                        Figura 1. À esquerda, foto da reunião de 02/10/2020 com o Subsecretário da SAA/MS e equipe da CGDI/MS com o Diretor e equipe da BIREME. À direita, reunião de 31/08/2020 com o Secretário Executivo do MS e Secretário da SAPS; participaram o Diretor e equipe da BIREME e a Representante da OPAS no Brasil, Socorro Gross.

Figura 1. À esquerda, foto da reunião de 02/10/2020 com o Subsecretário da SAA/MS e equipe da CGDI/MS com o Diretor e equipe da BIREME. À direita, reunião de 31/08/2020 com o Secretário Executivo do MS e Secretário da SAPS; participaram o Diretor e equipe da BIREME e a Representante da OPAS no Brasil, Socorro Gross.                                                                                          

Os objetivos para o desenvolvimento das metas do projeto, coordenados com a Secretaria de Atenção Primária em Saúde (SAPS) do Ministério da Saúde, estão fundamentados na Agenda 2030 e nos objetivos do Acesso Universal e Cobertura Universal de Saúde, com Modelo de Atenção Primária em Saúde (APS) e Saúde Familiar.

Os principais resultados esperados do projeto incluem:

  1. Desenvolvimento de produtos e serviços de informação para fortalecer o modelo de Atenção Primária em Saúde (APS), a Estratégia de Saúde da Família e as ações de prevenção e manejo de doenças infecciosas e crônicas;
  2. Intercâmbio de experiências em Gestão de Informação e Conhecimento em saúde, por meio de cooperação nacional e internacional para o aumento da produção, visibilidade, acesso e uso do conhecimento científico da América Latina e Caribe;
  3. Aplicação da gestão de informação e conhecimento nos diferentes níveis do sistema de saúde, para apoiar o desenvolvimento de estudos, pesquisas, criação de linhas de pesquisa, produção e disseminação de conhecimento em saúde digital e Telessaúde no Sistema Único de Saúde (SUS); e
  4. Sistemas e serviços de saúde fortalecidos para apoiar os processos de gestão da informação e do conhecimento em saúde, e para a democratização do acesso e uso da evidência científica.

Cada resultado esperado é composto por indicadores, metas e fontes de verificação, que orientam o desenvolvimento dos produtos e serviços ao longo do projeto e para aferição ao final de sua vigência.

ta2-tc93_capa

O TA2/TC93, assim como o TA6/TC95 atualmente vigente, fortalecem a relação institucional entre a BIREME e o Ministério da Saúde também em coordenação com a OPAS Brasil, considerando o impacto local, regional e internacional dos produtos e serviços desenvolvidos no âmbito desta cooperação técnica, em favor do acesso à informação e evidência científica em saúde. Vale lembrar que o TA1/TC93 foi coordenado com a Secretaria Executiva (SE) do Ministério da Saúde.

 

Matérias relacionadas:

Ministério da Saúde do Brasil e BIREME trabalham juntos para fortalecer e aperfeiçoar o trabalho da BIREME

Gestão, institucionalidade e cooperação técnica da BIREME são temas da agenda do Ministério da Saúde do Brasil

OPAS/OMS BRA e BIREME se reúnem com o Secretário Executivo Adjunto do Ministério da Saúde